DRE na Contabilidade

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on telegram
Share on whatsapp

DRE na Contabilidade

 Você sabe o que significa DRE na contabilidade? Apesar de sua importância, muitos empresários desconhecem essa ferramenta. No ambiente contábil, a sigla DRE  faz parte do vocabulário do contador e se traduz em Demonstração do Resultado do Exercício.

Mas, para entender melhor o que é DRE vamos falar, nesse artigo, sobre o que é como se estrutura e qual sua importância dentro da contabilidade.

 

O que é DRE?

A DRE  é uma ferramenta contábil de auxílio na elaboração do Balanço Patrimonial. De que forma?Ela fornece informações sobre a composição dos resultados do exercício.

Em outras palavras, é um relatório contábil que deixa bem claro e evidente todas as operações feitas por uma empresa. E assim, mostrando se geram lucro ou prejuízo dentro de um determinado tempo.

É obrigatória?

A DRE é obrigatória para todas as empresas, exceto MEI e deve ser anualmente, assim que encerra o período entre janeiro-dezembro.

Por LEI, deve ser assinada por um contador habilitado pelo Conselho Regional de Contabilidade – CRC do seu Estado.

Qual a periodicidade da DRE?

Podem ser feitas DRE mensal simplificada para fins administrativos  e também  DRE trimestral para o monitoramento dos gastos fiscais.

No entanto, o relatório de DRE deve ser preparado respeitando o regime de competência. Ou seja, conforme a ocorrência do fato gerador do registro contábil, independente da receita e da despesa.

Vale lembrar que  a importância desse documento vai muito além do simples cumprimento das exigências contábeis e fiscais. Em suma, esse demonstrativo analítico é fundamental para o bom desempenho da Empresa e o sucesso nos negócios.

DRE na contabilidade

Sabemos que a contabilidade tem o dever de transmitir ao poder público as principais informações a respeito das atividades desenvolvidas por uma empresa. Portanto, através das declarações contábeis é possível  fiscalizar as operações das empresas em atuação no Brasil , verificando se todas as exigências legais são cumpridas.

O Fisco, autoridade responsável, utiliza o relatório para, em primeiro lugar, verificar se os impostos foram calculados corretamente com base nas suas informações.

E, em segundo lugar, também servem como base para definir os tributos a serem pagos. Isso acontece principalmente com as empresas optantes pelo Lucro Real.

Além disso, a DRE fornece informações fundamentais para a elaboração de outros relatórios contábeis. O lucro líquido da empresa no período é uma informação essencial para a elaboração do Balanço, visto que demonstra a situação patrimonial da empresa em determinado período.

Como é composta a DRE?

Segundo a Lei 6.04/1976, Lei das Sociedades por Ações,  as informações que devem constar na DRE são as seguintes:

  1. A receita bruta das vendas e serviços;
  2. as deduções das vendas, os abatimentos e os impostos;
  3. A receita líquida das vendas e serviços;
  4. O custo das mercadorias e serviços vendidos e o lucro bruto;
  5. As despesas com as vendas, as despesas financeiras;
  6. O lucro ou prejuízo operacional, as outras receitas e  despesas;
  7. O resultado do exercício antes do imposto sobre a renda e a provisão para o imposto;
  8. As participações de debêntures, empregados, administradores e partes beneficiárias;
  9.  O lucro ou prejuízo líquido do exercício e o seu montante por ação do capital social.

Importância da DRE  na contabilidade

  • Resultados claros

A DRE ajuda o empreendedor a ter mais clareza sobre a composição dos resultados. Todas as despesas e receitas são consideradas no momento de elaborar essa demonstração, por isso faz com  que você esteja mais atento para não deixar nenhum detalhe passar batido.

  • Correção de falhas

Conseguir identificar falhas desse gênero é essencial para estabelecer melhorias entre os períodos. Por exemplo, uma empresa pode alcançar ótimos resultados de vendas com baixos custos operacionais, mas ter grande parte do seu lucro comprometido com despesas administrativas.

  • Entendimento sobre a situação financeira

Você sabe quanto tem no caixa da sua empresa hoje? Consegue entender a lógica por trás das movimentações no seu capital de giro? Pois saiba que, analisar as principais receitas e despesas da DRE também gera uma boa base para visualizar tudo  sobre a situação financeira da organização. Dessa forma, auxilia a lidar melhor com as entradas e saídas financeiras.

  • Captação de investidores

Muitos empresários podem não saber exatamente o que é DRE, mas certamente, os investidores conhecem bem essa demonstração contábil. Para um investidor  decidir entre apostar ou não na sua empresa, as informações apresentadas nesse relatório são de grande relevância.

Avaliação sobre a gestão

E por fim, a DRE também permite que você avalie a gestão da empresa. Com uma comparação dos resultados alcançados, certamente facilita analisar o crescimento das receitas e despesas.

A gestão do negócio para alcançar os melhores resultados deve ser sempre o objetivo.

E aí, conseguiu entender o que é DRE e qual sua importância? Então, deixe seu comentário.

Quer abrir uma empresa ou Trocar de contador? Deixe seu contato, te mostraremos o melhor em tecnologia contábil.

    rotinas básicas

    Rotinas básicas da contabilidade

    Com as grandes demandas dos escritórios de contabilidade, e uma quantidade enorme de processos e obrigações que devem ser entregues, é importante ter uma maior